Políticas públicas de mobilidade urbana

R$250,00

De 3 a 24 de novembro

Fora de estoque

Num contexto em que a gestão pública dos transportes e da mobilidade se torna cada vez mais complexa e desafiadora, e em que o Plano Nacional de Mobilidade Urbana completa 10 anos, este ciclo de encontros pretende trazer reflexões sobre o desenvolvimento e as perspectivas relacionadas a essas agendas. Ao longo da história urbana no Brasil, diversos foram os arranjos institucionais, orçamentários e de desenho de política pública para a mobilidade urbana. Tais arranjos variaram conforme a conjuntura, as regiões do país, o tamanho das cidades, o regime político e até mesmo a disponibilidade de tecnologia. O curso busca trazer este panorama da política pública de mobilidade urbana no Brasil dos séculos XX e XXI, abordando aspectos históricos, institucionais, políticos, econômicos e tecnológicos.

3 a 24 de novembro
Quintas-feiras: das 19h às 21h

Professores responsáveis: Daniela Costanzo e Victor Callil

Daniela Costanzo
Doutoranda em Ciência Política pela USP com experiência nas áreas de política urbana, economia e política e desenvolvimento econômico e urbano. É pesquisadora do Cebrap desde 2015, passou por cursos de metodologia no CEM, Cebrap, IPSA-USP e UNESCO. Trabalha com dados quantitativos e qualitativos e Sistemas de Informação Geográfica. É bacharela em Ciências Sociais pela USP e mestra em Ciência Política pela mesma instituição. Fez iniciação científica no Centro de Política e Economia do Setor Público da FGV-SP (CEPESP), foi estagiária do Metrô de São Paulo e atuou como professora do Ensino Médio.

Victor Callil
Mestre em sociologia pela Universidade de São Paulo (USP). Pós-graduado em pesquisa de marketing, mídia e opinião pública pela Fundação Escola de Sociologia e Política (FESP-SP). Possui graduação em Turismo pela Universidade Estadual Paulista (UNESP). É pesquisador do Núcleo de Desenvolvimento do Cebrap desde 2009 onde participa de pesquisas sobre mobilidade urbana e políticas públicas. Trabalha com o tema da mobilidade urbana desde 2011. Participou da elaboração das Ciclorrotas (2011 e 2012) e do mapeamento do Bike Sampa (2012). Compõe a equipe responsável pela elaboração de indicadores e análise de acompanhamento de sistemas de bicicleta compartilhada em 6 cidades: São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Belo Horizonte, Porto Alegre e Recife (2012 – 2017). Realizou pesquisas quantitativas e qualitativas com ciclistas (2012 – 2015) e com gestores públicos (2016). Desenvolve trabalhos técnicos de contagem (2014, 2014, 2017), além de trabalhos acadêmicos na área (2017/18/19/20). Trabalha com manipulação, análise e georreferenciamento de dados em programas estatísticos e GIS.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Políticas públicas de mobilidade urbana”
Carrinho de compras